Saturday, March 07, 2009

The Biggest Loser

Na minha obsessão com séries de TV, especialmente com reality TV, eu e o Ape secamos praticamente a fonte dos que gostamos e começamos a procurar um novo reality TV show no itunes pra comprar. De repente me deparo com um programa que ZOMG eu nunca tinha visto antes (sim, vcs já devem ter visto) mas estou em estado de choque e 100% obcecada (tanto que não consigo fazer mais nada, nem dormir!). Descobrimos um programa chamado The Biggest Loser que é (pros leigos feito eu que não conheciam) um bando de gente gorda tentando emagrecer e quem emagrecer mais ganha. Mas calma, quando falo gente gorda, tô falando OBESO até pra termos americanos. Tipo banhas que dobram multiplas vezes no braços, pernas separadas, homens com 6 PEITOS gigantes no torso, algo ASSUSTADOR. Como que eu nunca tinha visto esse programa antes?

Bom, os OBESOS, verdadeiras baleias assassinas orcas hipopotamus vão prum rancho em Malibu onde cada um é designado um treinador e uma certa dieta e começam a luta pra perder uma CAVERNA que tinha engolido eles (na verdade que eles engoliram). Só na primeira semana cada um perde em torno de 20-30 pounds (divide por 2.2 pra chegar em kilos) e assim seguem semana após semana, e cada semana tem desafios que dão prêmios como em todo programa de realidade: imunidade, telefonema pra casa, etc., etc., e no final o vencedor (que perdeu mais peso) vira o "The Biggest Loser" ganha 250K (e uma vida!) e a pessoa que foi eliminada e perdeu mais peso por conta própria desde que saiu do programa leva 100K. A cada semana os que ficam abaixo da linha amarela da pesagem são votados pra fora, mas o programa é muitoooo mais que isso... É sobre uma mudança de vida, de filosofia que cada um nessa situação deve fazer (tanto que na primeira noite que assistimos eu e o Ape fomos malhar as 2 da manhã de tão inspirados, lol!). A principío eu não estava conseguindo acreditar que o programa podia achar 12-18 obsesos desse tamanho pro programa a cada temporada, mas aparentemente comer até quase morrer é algo comum nos EUA (sim, obv que eu sei que aqui todo mundo é gordo, obeso, mas não tinha noção de quantos são morbidamente obesos, literalmente com o pé no caixão, adolescentes de 17-18 anos pesando acima de 220 KILOS, Jesus, algo de chocar e realmente triste) mas eu subestimei a capacidade da obesidade nos EUA, pois já estão na sétima temporada do programa e as transformações (nesse link por temporada, e vale a pena ver) são algo de PIRAR a cabeça e a cada temporada eles recebem mais e mais pedidos desesperados de "Por favor, eu preciso entrar no programa pra salvar a minha vida!" (olha esse cara!). Nem preciso repetir o quanto estou obcecada pelo programa. Choro a cada episódio, torço fervorasamente pelos times que simpatizo e dou muito valor pela cultura Brasileira de comer bem, na mesa, com a família, arroz, feijão, proteínas, verduras, etc., se comunicando, conversando, sem TV, etc.

Bom, comecei pela temporada 7 (que está no ar atualmente) e logo no primeiro episódio tem um garoto (Dan) de 18 anos de 5'8" (sei lá como converte isso pra metros, mas deve ser algo tipo 1m e 70cm, tô chutando) pesando 454 libras! CALA A BOCA! Bati o olho no menino e comecei a chorar! É assustador. Claro que tem tudo a ver com a filosofia/cultura auto-indulgente de fast food/TV/sofá dos EUA, onde o hábito de comer uma refeição com a família na mesa não existe. É cada um no seu quarto com a sua TV e seu computador comendo seu cheeseburger e seu frango frito (éca!) sem comunicação ou observação dos hábitos e comportamentos do resto da família. É uma cultura de televisão (que eu assisto todas as séries mas NUNCA vejo TV tipo trocando de canal, nunca mesmo, tanto que nem sabia que esse programa existia) que incentiva esse tipo de DOENÇA. E o pior foi ver pais/mães e filhos entrando no programa juntos, e pensar "como que um pai ou uma mãe deixa um filho chegar a esse ponto antes de se quer fazer 20 anos de idade? COMO?!?!?!". E claro que é um efeito dominó, pq por exemplo: comendo desse jeito, é claro que vc fica obeso e letárgico, sem energia, o que leva a diabéte, que leva a depressão, que leva a remédios, que leva a dependência, etc. (um dos gordos do programa, um pai obeso já tinha gasto 250K na vida com remédios anti-depressivos, remédios de diabete, remédios e mais remédios, uma coisa horrorosa). Algo realmente falta na cultura americana. Eles são, é claro, incríveis, tem uma ética de trabalho como em nenhum outro lugar da terra (realmente formigas), mas uma falta de harmonia com o corpo/mente/família que é realmente triste. Nós Brasileiros somos muito, mas muitoooo sortudos...

Lendo de relance parece até que estou zoando dos "gordinhos" (verdadeiramente obesos mórbidos!), mas não estou zoando nem de perto, pq insta criei um laço emocional com o programa, e é claro que eu não estou em nenhum lugar perto desse perigo quando se trata do meu peso, mas o programa é sobre uma filosofia de vida que hoje em dia é fácil de perder no barulho/caos/velocidade do "quero tudo agora!" da internet/TV/fast-food/celular/pipoca de microondas que me faz ficar ali na cozinha irritada de ter que esperar os 3 minutos eternos. MAS QUE FASE! E esse programa me fez imediatamente pensar em muitos poker players (meu namorado inclusive, que já perdeu 15 kilos dos 40 kilos que ele engordou desde Junho, mas os 25 que ainda faltam e a determinação que esse programa incentivou nele de perder os 25 que faltam até ele chegar no Rio no final de Abril) e a motivação que esse programa me instigou de parar de fumar! Claro que não é como uma obesidade mórbida, mas é pior pq estou aos poucos me matando com o cigarro e os resultados é claro que não vou ver agora nos meus 30, magra e atlética, mas vou ver quando já estará tarde demais para solucionar. Então com isso eu resolvi que quando eu chegar no Brasil (quarta feira) eu vou parar de fumar. Vai ser sofrido, um inferno, mas eu consigo, pq se um garoto de 18 anos consegue perder 100 pounds em 8 semanas, eu consigo largar um vício que está me matando lentamente (e vai!) sem comentar que meu pai morreu do coração aos 45 anos de idade. ENOUGH!

Enfim, dá pra ver que o programa mexeu comigo, talvez não mexa com as pessoas dessa forma, mas eu vi o que "se largar" pode causar, e pra poker players/gordos/fumantes/pessoas inativas e com tendências, esse é o destino se cada um não decidir seu próprio destino e tomar as precauções necessárias pra isso não acontecer. AGORA! Enquanto ainda dá tempo...

É, sei lá, tô bem impressionada com o programa. lol, acontece, mas ainda bem que aconteceu pq eu precisava mesmo de um "abridor de olhos" pra parar de fumar e pro Ape se motivar pra perder os kilos restantes. O que acontece é que quando a nossa solução está bem ali, na esquina, é mais difícil de se mexer pra chegar nela, pq parece mais fácil, mas a cada dia que passa ela vai se distanciando e se tornando mais difícil de solucionar o que pode ser feito agora.

LOL chega!

Vou terminar aqui a temporada 6! The Biggest Loser é na verdade the biggest winner!

Besos,

ME

9 comments:

gooorg said...

Olá Maridu, bom acompanho o seu blog desde o primeiro post e admiro muito sua inteligência, aliás é um grande afrodisiaco..hehehe.
Enfim, fumei por quase 20 anos, e sempre queria parar, mas "queria" daquele jeito, para ,volta, para volta, até que um dia eu RESOLVI, eu QUIS parar e é isso que está acontecendo com vc agora, vc QUER, e foi a melhor coisa que fiz na vida, nossa muda tudo, disposição, sono, alimentação enfim se sabe bem disso.Para me ajudar eu usei uns adevisos de nicotina, o programa durava 2 meses mas usei dez dias, foi mais psicológico, mas após ver como me sentia bem depois dos primeiro 5 dias, usei os adesivos mais 5 dias e pronto LIVRE, eu VENCI, quem manda na minha mente sou eu e vc manda na sua e vc vai conseguir, olha; a vida muda, sem exageros!Não foi o adesivo que me fez parar, foi minha DECiSÃO, e é isso que vc fez tomou a melhor DECISÃO da sua vida, pois sua vida vai ser outra!
Já faz 2 anos que eu parei, e daqui 2 anos vou fazer 4 e vc 2 anos!Parbéns!
qualquer coisa se quiser conversar sobre o assunto, cultyour@hotmail.com
Nem precisa publicar o comment, se quiser ok, mas o intuito é mesmo ajudar a vc se livrar desse vicio!
Successo pra vc e o APe
Marcio "gooorg"

Anonymous said...

que texto bom! muuuito bem escrito..

congratulations!

Anonymous said...

Fantástico o post. Já tô baixando os episódios desse seriado. Vc é sempre uma inspiração Maridu.

rhangell said...

HAHAHAHAHAH, esse BIG LOOSER teve uma versão ano passado, quem ganhou foi um amigo meu, mestre de bateria, o cara entrou com 180kg e saiu com 90 ou 92kg, algo assim... encheu a sacolinha de dindin e encheu a barriga de novo, ja ta com quase 140kg...lol...rsrs... mas pelo menos ele ganhou...

bjs

Silvio Peters said...

Eu já vi uns episódios desse seriado. É interessante mesmo. Mas nunca fui muito fã de reality shows então não acompanho.

Quanto ao lance do cigarro, ótima notícia. Sei que você vai conseguir. Força que dá!!!
Besos!

Anonymous said...

esse seriado ja teve uma versao brasileira apresentada pelo silvio santos =)

Adilso said...

Então vc se apaixonou por aquele programa dos gordos que passa na TV a cabo???KKKKKK....huahuahuahuahua.
Da nada...isso passa....

Adilso

Olívia said...

amei este post!
sinceramente, sou obesa (tenho 1,60 e peso 100kg) e tenho BASTANTE dificuldade para emagrecer.
este programa realemnte dá uma animada e uma esperança pra gente.
VocÊ sabe onde a gente baixa da internet os episodios?

beijos

heloisa said...

Oi, vc mora nos EUA tb??? Para quem esta torcendo nesta temporada do Biggest losser!
meu nome é Heloisa e eu adorei seu Blog!!!